Notícias

21.10.2014

Observatório


Evento sobre violência de gênero abre discussão para desenvolvimento de projeto sobre Direitos Humanos.
Evento sobre violência de gênero abre discussão para desenvolvimento de projeto sobre Direitos Humanos.
Na última semana, a FAE Centro Universitários recebeu Maria Claudio Girotto do Couto, pesquisadora no Núcleo de Estudos do Crime e da Pena da Fundação Getúlio Vargas, que ministrou palestra sobre violência de gênero para os alunos de Direito.

Segundo o professor Décio Franco David, organizador do evento, embora a violência de gênero seja um assunto de forte cunho penal, principalmente em virtude da elaboração da Lei 11.340/2006, intitulada Maria da Penha, a violência de gênero é um problema de estruturação cultural e social. “Este evento é uma semente para o desenvolvimento de um pensamento crítico, pautado na igualdade de todos e no desenvolvimento de um direito mais justo e humanitário”.

Observatório de Direitos Humanos

Este tema fará parte do Observatório em Direitos Humanos, projeto em desenvolvimento no curso, que contará com a participação de alunos e professores, além de expositores convidados. “A FAE preocupada com a formação humanística de seus alunos e, principalmente, diante da necessidade social do país em debater o tema, se propôs a criar e manter um observatório permanente sobre a situação dos Direitos Humanos”, relata o professor.

Ainda segundo David, o observatório servirá para apurar o cumprimento dos direitos e garantias fundamentais, além de realizar estudos doutrinários e eventos. Serão inúmeros temas abordados, os quais vão desde as mais variadas formas de violência até a efetividade e acesso jurisdicional.

A palestrante

Maria Claudia Girotto do Couto é graduada em Direito pela Universidade de São Paulo e mestranda em Direito Penal pela Universidade de São Paulo. Atualmente é pesquisadora no Núcleo de Estudos do Crime e da Pena da Fundação Getulio Vargas. Foi coordenadora-adjunta do Grupo de Diálogo Universidade-Cárcere-Comunidade (GDUCC), idealizado pelos professores Alvino Augusto de Sá e Sérgio Salomão Shecaira.


Compartilhe: