Notícias

19.10.2012

Corpo docente da FAE é composto por 80% de mestres e doutores


Experiência profissional e formação de excelência são qualidades indispensáveis para professores da Instituição
Experiência profissional e formação de excelência são qualidades indispensáveis para professores da Instituição
Com mais de 55 anos de tradição, a FAE possui o reconhecimento pela excelência de seu ensino tanto na Graduação quanto na Pós-Graduação. Um dos principais diferenciais da Instituição está na composição do seu corpo docente.

Dados divulgados em 16 de outubro pelo Censo da Educação Superior, realizado pelo Ministério da Educação (MEC), revelam que nas Instituições privadas apenas 15% do corpo docente é composto por doutores. Na FAE, esta porcentagem duplica. E se somarmos os profissionais que são mestres e doutores, a Instituição conta com aproximadamente 80%. Além da formação, os professores da FAE são gestores e profissionais respeitados em suas áreas de atuação.

As conquistas de cada docente, como participações nacionais e internacionais em Congressos, indicações para compor quadros consultivos de Associações e a participação ativa em pesquisas que transformam e beneficiam a sociedade, fazem parte do dia-a-dia destes profissionais e elevam a qualidade do ensino em sala de aula.

Este quadro é confirmado pelo Pró-Reitor Acadêmico, André Luís Gontijo Resende. “Para ser um educador da FAE, o candidato passa por uma criteriosa seleção, que avalia além da formação acadêmica, a experiência profissional”, ressalta Resende, reafirmando que o conhecimento dos docentes ativos no mercado de trabalho agrega muito ao conteúdo ministrado em sala de aula. “Desta maneira, formamos alunos empreendedores, com uma visão real do mercado”, conclui.




Compartilhe: