01.07.2021

Investimentos antifrágeis: entenda por que eles são tão necessários, principalmente quando há instabilidade econômica


Segundo especialista, é preciso diversificar a carteira de investimentos de forma inteligente para tirar benefícios do caos. Mas quais seriam as atitudes mais certeiras para isso?
Segundo especialista, é preciso diversificar a carteira de investimentos de forma inteligente para tirar benefícios do caos. Mas quais seriam as atitudes mais certeiras para isso?

Inflação e juros subindo, forte volatilidade na Bolsa de Valores e no dólar, denúncias de corrupção, CPIs (Comissões Parlamentares de Inquérito). Esse é um cenário de instabilidade bastante comum no Brasil nos últimos meses. Muitos desses fatores foram desencadeados pela pandemia de covid-19: uma grande crise que não se esperava assolaria tanto a economia do país.

Na última semana de junho, o Banco Central fixou a taxa básica de juros em 4,25% ao ano – para se ter uma ideia, essa taxa estava em 2% ao ano, e até chegar a 4,25 teve ainda três altas no período. A pesquisa Focus, divulgada pelo Banco Central, aponta que esse índice pode chegar a até 6,5% em 2021. E, quando há alta de juros, espera-se uma contenção da inflação, como explica o professor da FAE Business School, André Hayashi. “Geralmente quando há o aumento nos juros, de certa forma freia-se o consumo das pessoas, que passarão a ficar mais endividadas, permitindo que a inflação volte a estabilizar”, explica.

Adicione-se a esse cenário criado pela alta de juros a queda do dólar – em junho, o recuo da moeda foi de 6,19% e, em 2021, de 5,38%. Tudo isso compõe um "vaivém" na economia que pode afetar todas as pessoas: desde aquelas que têm poupança ou aplicações variadas em bancos, até os investidores mais ousados, que procuram ações na Bolsa, bitcoins, compra de dólares, fundos imobiliários, entre outros. Além das empresas, principalmente as pequenas e médias, de perfil mais frágil, que nunca sofreram tanto com uma crise como em 2020 e 2021.

Por isso é tão necessária uma carteira antifrágil de investimentos: aquela que possui ativos com correlação negativa – ou seja, quando um ativo valoriza, o outro desvaloriza, um protegendo o outro. O professor Hayashi, que ministrará a masterclass na FAE sobre investimentos antifrágeis (veja abaixo), sugere que possuir uma carteira antifrágil de investimento não só protege a pessoa, mas traz muitas vantagens. “Vai proteger a carteira como um todo e permitir que o investidor saia mais forte após o aparecimento de um cisne negro, um grande evento que não esperamos, como uma pandemia, por exemplo”, assegura.

O balanceamento dos investimentos é um dos segredos. Além de evitar os processos de presunção – aqueles em que a pessoa ganha em um momento, sofre uma euforia muito grande e decide continuar investindo daquela forma, porém o mercado instável chega e tudo muda. Ou quando a pessoa decide focar apenas em ações, por exemplo: pode chegar um momento em que a Bolsa estará em queda, e outro, em alta. Consequência: a perda de dinheiro. O professor cita, ainda, outra situação. “Por exemplo, alguém investe tudo em dólar. Vem a pandemia e essa moeda sobe. Ele se empolga e investe mais em dólar. Só que a crise passa e a moeda volta a seu antigo patamar. A fragilidade está aí”, explica o professor Hayashi.

Masterclass gratuita e on-line “Segredos do mercado financeiro: como criar riqueza com investimentos antifrágeis”

A FAE Business School em Itajaí (SC), em parceria com o Shopping BravaMall, está oferecendo cursos de pós-graduação no espaço Business Lounge. Nos dias 2 e 3 de julho, trará a masterclass gratuita e on-line “Segredos do mercado financeiro: como criar riqueza com investimentos antifrágeis”. O curso será ministrado pelo professor André Hayashi, que atua no mercado financeiro como operador de mesa de ações e derivativos. Também é fundador e diretor de risco e compliance de gestora de fundos de investimentos (asset management), mestre em Engenharia de Produção, especialista em Matemática Contextual e engenheiro eletricista.

Agenda:

Masterclass gratuita e on-line “Segredos do mercado financeiro: como criar riqueza com investimentos antifrágeis”
Onde: on-line - FAE Business School em Itajaí (SC)
Quando: 2 e 3 de julho
Horários:
Sexta-feira: das 18h30 às 22h15
Sábado: das 8h30 às 12h15

Inscrições em fae.edu/faeitajai

O que o estudante vai aprender no curso?
Aprenderá quais são os segredos não revelados pelos agentes do mercado financeiro e o motivo pelo qual a maioria da população não controla seus gastos e não investe em ativos que de fato geram riqueza. Aprenderá a gerir uma carteira antifrágil de investimentos, ou seja, a diversificar seus investimentos de forma a adquirir proteção contra possíveis crises financeiras e ao mesmo tempo se beneficiar das oscilações para obter lucros acima da média do mercado.
 
A quem é destinado o curso e por que é importante aprender?
O curso é recomendado para todos aqueles que têm intenção de adquirir riqueza no longo prazo com sustentabilidade e segurança. O cenário de juros baixos para quem investe e de juros altos para quem toma dinheiro emprestado é o principal fator que inibe o crescimento patrimonial das pessoas físicas e jurídicas, logo, é de fundamental importância que elas estejam motivadas e saibam como sair das dívidas e entrar no ciclo de acumulação de riqueza. Se a acumulação de patrimônio for feita de forma antifrágil, a pessoa terá uma segurança maior em seus investimentos e manterá a opcionalidade de ter ganhos maiores.
 
O que a pessoa será capaz de fazer ao final do curso?
Aprenderá fazendo, confeccionando sua própria carteira antifrágil na prática e com dados reais do mercado. Será capaz, ainda, de evitar os produtos iatrogênicos – aqueles investimentos que geram mais lucros para o agente financeiro e menos lucros para o investidor. Também será capaz de escolher os percentuais adequados dos melhores ativos para investimento na atualidade e de acordo com seu perfil psicológico. Aprenderá a criar uma planilha de controle e rebalanceamento de sua carteira antifrágil de investimentos.



Compartilhe:


Verifique o  Cadastro FAE no MEC