A Dimensão Feminina no Teatro de Nelson Rodrigues


A Dimensão Feminina no Teatro de Nelson Rodrigues

O teatro de Nelson Rodrigues é indubitavelmente uma das manifestações mais expressivas da dramaturgia nacional, considerado precursor da modernização do teatro brasileiro, com uma vasta gama de enredos e personagens femininas marcantes, não apenas por configuração, mas também pela forma de interagir com o mundo, sempre buscando de alguma maneira transgredir e questionar os valores morais, os dogmas e a hipocrisia na sociedade brasileira da primeira metade do século XX. 
Este curso propõe a análise das diversas facetas das personagens de Nelson Rodrigues, em especial as femininas, que apresentam elementos cruciais nas obras do dramaturgo, trazendo em cena a repressão dos desejos da mulher. Observa-se nestes perfis femininos uma tentativa de sustentação da feminilidade através da falsa imagem de felicidade conjugal que mascara a insatisfação do desejo. Pretende-se, ainda neste curso, abordar, na leitura das peças, como as personagens rodriguianas, ao invés de buscarem a satisfação de seu desejo sexual, reforçam cada vez mais o sentido de pureza e inacessibilidade, o que as levará para o caminho da histeria feminina.

Conteúdo Programático

  • A Construção das Imagens de Feminilidade nas Peças de Nelson Rodrigues.
  • O desejo feminino como fonte de ameaça no corpo ora casto, ora promíscuo: A mulher sem pecado (1941) e Toda nudez será castigada (1965).
  • Os Perfis Femininos rodriguianos:  a tentativa de sustentação da feminilidade. 
  • As Meninas Adultizadas:  Sônia de Valsa Número 6 (1951)  e Silene de Os Sete Gatinhos (1958).
  • As Mulheres Traídas: Aurora de Os Sete Gatinhos (1958) e Lúcia de Vestido de Noiva (1943).
  • As Mulheres Desonradas: Maria Cecília de Bonitinha, mas Ordinária  (1962) e Silene de Os Sete Gatinhos (1958).
  • As Mulheres Insatisfeitas no Universo da Histeria: Alaíde de Vestido de Noiva (1943) e Lídia de A Mulher sem Pecado (1941).
  • As Mulheres Predestinadas a Pecar: Lídia de A Mulher sem Pecado  (1941) e Judite de Perdoa-me por me Traíres (1957).
  • A mulher Prostituta como figura de Mulher Desejante:  Geni de Toda Nudez Será Castigada (1965).
  • As Mulheres/Irmãs em sua rivalidade:  Lígia (virgindade acumulada) x Guida (plena realização da feminilidade) na peça A Serpente (1978).
  • O conflito feminino entre Eva e Maria: Dorotéia (1949), Bonitinha, mas ordinária (1962) e Vestido de noiva (1943): O desejo Exibido x O Desejo Reprimido.
  • Meninas adultizadas e Mulheres histéricas infantilizadas: Valsa nº. 6 (1951), Perdoa-me por me traíres (1957), Os sete gatinhos (1958) e A Serpente (1978).
  • Amor e ódio entre as mulheres da família: Senhora dos afogados (1947) e A serpente (1978): o universo da tensão entre a tragédia grega e moderna.
  • O espaço mítico em cena: Moema de Senhora dos Afogados (1947): entre o desejo incestuoso e a predestinação de um destino trágico.
  • Dorotéia e Senhora dos Afogados (1947): o pudor como marca das mulheres rodriguianas e o mito da predestinação das mulheres castas.
  • O jogo da identificação e da rivalidade: Moema e Dona Eduarda de Senhora os Afogados (1947) e Guida e Lígia de A Serpente (1978).

Informações gerais
Data: De 18 de agosto a 13 de outubro (sempre as quartas-feiras)
Horário: 15h às 17h
Local: On-line (via google meet)
Carga horária: 18h
Investimento: R$ 190,00 alunos e ex- alunos FAE / R$ 210,00 público externo. (valores parcelados em até 3x no cartão)
Inscrições:até 13 de agosto as 23h59.

Informações Adicionais
- No caso do pagamento do curso ser realizado por empresas, os dados dos campos do Boleto e Nota Fiscal deveráo ser preenchidos em nome da Empresa.
- Caso o curso náo atinja o número mínimo de inscrições e se o inscrito efetuou o pagamento, o mesmo será ressarcido com valor total pago, em atá 30 dias úteis.
- Em caso de desistência do curso, o inscrito deverá informar a sua intenção ao Núcleo de Extensão atravás do e-mail extensao@fae.edu, com 72h de antecedência à data de início do curso. Será reembolsado o valor referente a 80% (oitenta por cento) do valor pago. Após este prazo, náo será efetuado o ressarcimento.
- O Núcleo de Extensão Universitária se reserva o direito de alterar o professor, horários e datas do curso oferecido, caso seja necessário.
- A confirmação ou o eventual não oferecimento do curso será comunicado aos inscritos em até 02 (dois) dias antes do inácio do curso.

Ministrante: Profª. Rachel Nunes.
Bacharelado em Letras, Port. Latim pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ.
Licenciatura em Letras, Port. Latim pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ.
Mestrado em Letras na área de concentração em Literatura Brasileira pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ.
Doutorado em Letras, área de Concentração Literatura Comparada, pela Universidade Federal Fluminense, Niterói, UFF.
Pós-Doutorado em Literatura Contemporânea pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio.
Pós-Doutorado em Estudos Culturais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ


Gostou do curso?

Entre em contato com o Núcleo de Extensão:
Envie e-mail para extensao@fae.edu ou entre em contato pelo telefone 41 2105-4013

Conheça outros cursos que a FAE oferece: